10 Benefícios do Gengibre

10 Benefícios do Gengibre

Em chás, sopas ou sumos, o gengibre é uma peça cada vez mais presente na rotina alimentar de homens e mulheres de todas as idades e com diferentes estilos de vida. Seja como alimento ou apenas condimento e tempero, o gengibre, confortavelmente assegurado pelo seu sabor único e por todas as suas componentes, acaba por não deixar ninguém indiferente.

Em termos nutricionais, podemos encontrar, em 100 g de gengibre, aproximadamente 79 g (79%) de água; 18 g de hidratos de carbono; 2 g de fibras e 2 g de proteína, para além de um valor calórico a rondar as 80 Kcal.

Dadas a popularidade emergente do gengibre e a crescente procura pela especiaria, partilhamos nesta Dica de Nutrição 10 benefícios do gengibre para a saúde e para o bom funcionamento do organismo… sem esquecer, claro, o treino e a atividade física!

 

Redução da pressão arterial

Tendo em conta a atividade do gengibre na inibição e na acumulação de gordura nos vasos sanguíneos, este tem a capacidade de regular a pressão em organismos com tendência ou propensão para elevados níveis de pressão arterial; o gengibre atua ainda diretamente sobre o sangue, tornando-o menos espesso e melhorando a circulação sanguínea.

 

… e dos níveis de lípidos e açúcares no sangue

Em combinação com a atuação sobre a acumulação de gorduras dos vasos sanguíneos, o gengibre possui uma vertente anti-diabética, auxiliando na diminuição dos níveis de açúcar no sangue, tanto a nível imediato como com efeitos mais duradouros.

 

Prevenção de doenças cancerígenas

Graças à presença de 6-gingerol, o gengibre é um forte aliado na prevenção de doenças cancerígenas, nomeadamente a nível intestinal, uma vez que esta substância impede o desenvolvimento e a propagação de células cancerígenas na região do cólon.

 

Antioxidante e anti-inflamatório

Dois outros benefícios do gengibre passam pela ações anti-inflamatória, ao nível de bronquites, gripes, constipações e irritações respiratórias; e antioxidante, no combate ao envelhecimento celular precoce e na prevenção de tipos de cancro; doenças respiratórias como a asma são igualmente atenuadas pelos efeitos terapêuticos do gengibre.

 

10 Benefícios do Gengibre

 

Articulações mais saudáveis

A artrite, assim como diferentes problemas nas articulações, incluindo a degeneração das mesmas, são complicações comuns que podem conduzir ao desconforto e a dores fortes e prolongadas em todo o corpo. O gengibre, sob a forma natural ou de extrato, produz efeitos positivos no alívio das dores nas articulações, podendo evitar a toma de medicação excessiva.

 

… e menos dores musculares!

A atuação do gengibre sobre a dor passa das articulações para o músculo, uma vez que, também em termos de treino, encontramos vários benefícios inerentes a este alimento que assumem um papel importante ao nível da recuperação muscular e da prevenção de posteriores dores e inflamações.

 

Atividade antimicrobiana

Por ser bastante rico em Vitamina C, o gengibre é um dos melhores amigos do sistema imunitário, fortalecendo o organismo e combatendo infeções e inflamações, aliviando ainda os sintomas e o desconforto associados a diversas doenças respiratórias.

 

Amigo do estômago

A nível estomacal, o gengibre compreende, especialmente sob a forma de chá, ótimos benefícios no combate aos gases e à azia, defendendo o organismo das principais bactérias causadoras de problemas no estômago como gastrites, úlceras e até o desenvolvimento de doenças cancerígenas.

 

10 Benefícios do Gengibre - Chá

 

Facilitador da digestão

Também o inchaço e os problemas de indigestão e intestinais são alcançados pelos benefícios do gengibre, que acaba por se revelar um forte aliado no processo digestivo, tornando-se uma escolha acertada para acompanhar ou compensar refeições pesadas ou com alimentos ricos em gorduras.

 

E uma ajuda na perda de peso!

Um dos mais populares benefícios do gengibre está relacionado com o emagrecimento, não só em termos de inchaço (como referido no ponto anterior), mas na própria queima de gorduras e calorias. Ao ser um termogénico, o gengibre acelera o metabolismo, graças aos compostos 6-gingerol e 8-gingerol, que aumentam a produção de calor e suor corporais, podendo impulsionar o gasto calórico em mais de 10%.

De qualquer forma e para qualquer objetivo, para conseguir resultados ao nível de emagrecimento e perda de peso, torna-se imprescindível combinar o consumo dos alimentos certos com a prática regular de exercício físico e com uma alimentação saudável equilibrada.

 

Como nota final, é importante referir que o gengibre não é remédio para todos ou quaisquer problemas, devendo o seu consumo ser igualmente regrado e controlado, de preferência com a orientação de um nutricionista. Quando consumido em excesso, pode resultar em hipoglicemia e hipotensão – baixos níveis de açúcar e pressão arterial, respetivamente, entre outras complicações.

Leia mais artigos da Dica de Nutrição e de Treino e Suplementação no nosso Blog.

Post Author: Diogo Ventura